Arquipélago da Madeira

Destino exibe suas raízes em patrimônios históricos e monumentos fascinantes. // Famoso por ser um dos mais belos do mundo, o Arquipélago da Madeira é repleto ...

Bienal de Design

12ª Bienal Brasileira de DESIGN GRÁFICOMostra comemora 25 anos e, pela primeira vez, será realizada em Brasília

Suíça, de trem

Um passeio imperdível pela Suíça com o Grand Train Tour

Lido 954 vezes
Avalie este item
(1 Voto)

Barbatuques "20 anos" em Goiás

O grupo referência mundial em música corporal leva à cidade shows e oficinas, comemorando este importante marco na carreira

 



Entre os dias 3 e 8 de julho, o Barbatuques estará pela primeira vez em Goiânia, levando três atrações distintas para o público: o show Ayú, a aula-show Barbatuquices e oficina de percussão corporal.

A programação, dentro da 4ª edição do Sesc Aldeia Diabo Velho, inicia as comemorações no semestre em que o grupo completa 20 anos de carreira artística.

 
Ayú, show do último disco lançada pelo grupo, traz canções e músicas "instrumentais" que exploram a fonética, recursos percussivos e sotaques.

No repertório, composições dos integrantes e temas trazidos pelos convidados especiais no disco, os mestres Naná Vasconcelos (1944-2016) e Hermeto Pascoal.

O resultado é uma moderna sobreposição de estilos e tradições musicais, ressaltando a rica essência sonora do Barbatuques. Do erudito à tradição popular brasileira ao pop contemporâneo, ouvimos o carimbó, coco, toré indígena, choro, maracatu, baianá, rock, beatbox, kecak e a música africana.

 

Barbatuquices é uma “aula-show” perfeita para as crianças e família, onde o público interage, aprende e toca com os integrantes, descobrindo seu corpo sonoro e vivenciando brincadeiras musicais.

Traz uma divertida e lúdica imersão na riqueza do nosso repertório popular brasileiro e em músicas do grupo, executadas por variações de palmas, estalos, sons produzidos pela boca, pés e assobios.

 
Para deixar ainda mais completa esta passagem pela cidade, o grupo ministra cinco dias de oficina de música e percussão corporal para o público aprender esta linguagem consolidada pelo Barbatuques.

Fundado a partir de pesquisas e criações de Fernando Barba, o grupo ganhou projeção e reconhecimento internacional, desenvolvendo uma linguagem própria e surpreendente de utilizar o corpo como instrumento musical.

O projeto do Sesc Goiás, Sesc Aldeia Diabo Velho – Território Livre das Artes, se estabeleceu como um dos principais eventos de cultura da região, em diversos espaços da cidade, com programação de qualidade e preços acessíveis.

 2017 é um ano muito especial para o Barbatuques e esta celebração inicia em Goiás. Oportunidade única para conferir, de uma vez, tantas atrações distintas do grupo.

 Ao longo de sua trajetória, o Barbatuques desenvolveu uma linguagem própria de música corporal através de suas composições, técnicas, exploração de timbres e procedimentos criativos. Esta forma única de fazer música, com inúmeras possibilidades de extrair sons do corpo, tornaram o grupo reconhecido mundialmente.

 

Atuam no meio artístico, educacional e corporativo, com espetáculos musicais, álbuns e DVDs lançados, treinamentos e oficinas. Já se apresentaram em mais de 25 países ao redor do mundo, sempre pesquisando outras manifestações da música corporal e percussiva, tradicional e contemporânea.

 

O grupo possui quatros discos lançados, o mais recente "Ayú" (2015, indicado ao prêmio da música brasileira), “Tum Pá” (2012) para o público infantil, ”O seguinte é esse” (2005), “Corpo do Som” (2002), e dois DVDs, “Corpo do Som ao Vivo” (2007) e "Tum Pá, ao vivo" (2014).

Foi contemplado com prêmios, entre eles o “TIM de Música” como melhor grupo de MPB (2006), indicado como melhor grupo instrumental (edição de 2016) e o Troféu Inspiração do Amanhã (2014).

Entre tantos eventos importantes que participaram, estão: o encerramento das Olimpíadas Rio 2016, Copa do Mundo da África (2010) e evento oficial da FIFA em Joanesburgo, as edições do International Body Music Festival (EUA), Festival Europalia (Bélgica), Lollapalloza Brasil etc.

Além de participações em trilhas sonoras para o cinema (Rio 2, O Menino e o Mundo, Trash, Tropa de Elite, etc),  publicidade (Nike, Heinekein, Vinheta Final de Ano Rede Globo, etc), jogos (Rio 2 e Andry Birds) e série para TV (Buuu - Um Chamado para a Aventura).



 
Barbatuques 20 anos no Sesc Goiás
Data: 07/07

Show Ayú

Horário: 20h30

Duração: 90 minutos

Classificação: Livre


Data: 08/07

Show-aula: Barbatuquices

Horário: 15h

Classificação: livre

Duração: 45 minutos


 

Local: Teatro Madre Esperança Garrido

Endereço: Av. Contorno, 241 - St. Central, Goiânia - GO

Telefone: (62) 3212-3531

Capacidade: 785 lugares

Assentos para pessoas com necessidades especiais.

Ingressos: comerciários e dependentes R$10, conveniados R$12, meia-entrada R$15 e inteira R$30.

 

Data: de 3 a 7 de julho

Oficina de percussão corporal  

Horário: 8h30 às 12h30

Local:  Sesc Centro, sala de dança 02 – 2º andar

Endereço: R. 15 - St. Central, Goiânia - GO

Telefone: (62) 3933-1700

Indicação: a partir de 16 anos

Vagas limitadas

Inscrições na Central de atendimentos – Sesc Centro

Valores: R$ 20 comerciário R$27 conveniado, artistas e professores R$ 35 comunidade.

O curso oferece uma proposta pedagógica baseada na utilização do corpo como instrumento musical.

 

Músicos: André Hosoi, André Venegas, Charles Raszl, Giba Alves, Helô Ribeiro, João Simão, Luciana Cestari, Lu Horta, Mairah Rocha, Marcelo Pretto, Maurício Maas, Renato Epstein, Taís Balieiro.

Direção musical: Fernando Barba


fonte: CAIS - Comunicação e Cultura

Mais lidos

Ecoturismo

16 Out 2015 Turismo

Na Ponta do Nariz

06 Jun 2016 Artemania

Capoeira

04 Set 2016 Isto é Brasil

Cartas de Caio

22 Dez 2016 Livros

Cara-de-Bronze

05 Jun 2016 Programação em Goiânia

Acompanhe no Facebook

Online

Temos 85 visitantes

Add to Flipboard Magazine.