Arquipélago da Madeira

Destino exibe suas raízes em patrimônios históricos e monumentos fascinantes. // Famoso por ser um dos mais belos do mundo, o Arquipélago da Madeira é repleto ...

Bienal de Design

12ª Bienal Brasileira de DESIGN GRÁFICOMostra comemora 25 anos e, pela primeira vez, será realizada em Brasília

Suíça, de trem

Um passeio imperdível pela Suíça com o Grand Train Tour

Nascida no Marrocos, filha de franceses, Gisèle Cossard Binon conheceu o Brasil na década de 1960,ao acompanhar o marido, um diplomata. Nascida no Marrocos, filha de franceses, Gisèle Cossard Binon conheceu o Brasil na década de 1960,ao acompanhar o marido, um diplomata.
Publicado em Video
Lido 6855 vezes
Avalie este item
(1 Voto)
Tagged sob

A antropóloga e mãe de santo francesa, Gisèle Cossard, morreu dia 21/01/2016, vítima de um câncer, doença contra a qual lutava há cinco anos.

Mãe Gisele de Iemanjá comandava seu terreiro em Santa Cruz da Serra, na Baixada Fluminense, há mais de 20 anos.

Nascida no Marrocos, filha de franceses, Gisèle Cossard Binon conheceu o Brasil na década de 1960, ao acompanhar o marido, um diplomata.

Na ocasião, conheceu o terreiro de Joãozinho da Gomeia, em Duque de Caxias, onde iniciou-se  no candomblé.

Anos depois, largou tudo para tornar-se mãe de santo e assumiu o nome africano de Omindarewa.

Mãe Gisèle tocou o terreiro até sua morte e iniciou centenas de filhos de santo.

Era conhecida pelo carinho com que tratava a todos que a procuravam em busca de conselhos.

The Orishas' Ambassadress mapadecultura RJ
Última modificação em Quinta, 03 Março 2016 21:43
Nádia Timm

Nádia Timm é jornalista...

Mais nesta categoria: Yogananda »

Mais lidos

Ecoturismo

16 Out 2015 Turismo

Na Ponta do Nariz

06 Jun 2016 Artemania

Capoeira

04 Set 2016 Isto é Brasil

Cartas de Caio

22 Dez 2016 Livros

Cara-de-Bronze

05 Jun 2016 Programação em Goiânia

Acompanhe no Facebook

Add to Flipboard Magazine.